Sessão de cinema especial para pessoas com autismo em Florianópolis

Desde setembro, Florianópolis se junta a outras capitais do país, como Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília, com sessões de cinema exclusivas para pessoas com TEA- Transtorno do Espectro Autista- e outras deficiências, que foi nomeada como a Sessão Azul. Durante as exibições, a sala fica mais iluminada e o volume é mais baixo que o usual. Nessa sessão pode levantar, pular, correr, gritar. Tudo é permitido. No penúltimo sábado de outubro, na segunda edição do projeto na Capital, as cerca de 50 pessoas que assistiram à animação As Aventuras do Capitão Cueca no Cinemark do Floripa Shopping se sentiram acolhidas e, o principal, livres para se expressar sem a preocupação de julgamentos.

A implantação do projeto em Florianópolis foi graças à iniciativa da designer Carine Amidianski, mãe do Pedro Amidianski Haensel, de 4 anos. Ela criou uma petição online que teve grande repercussão em Santa Catarina. O pedido foi atendido por um cinema da Capital. O objetivo principal é que as sessões funcionem como uma extensão ao trabalho terapêutico realizado em crianças com TEA, e aumentem o engajamento dos pais no processo de tratamento e a adaptação dos pequenos a novos ambientes.

 

Compartilhe com seus amigos!