PEDESTRES E CICLISTAS PODERÃO SER MULTADOS A PARTIR DESTE ANO

Punição já estava prevista no CTB desde 1997, mas não havia entrado em vigor por falta de regulamentação

A partir do dia 1º de março, pedestres e ciclistas poderão ser multados. As punições são de acordo com infrações já previstas no CTB (Código de Trânsito Brasileiro) desde 1997, mas que não haviam entrado em vigor por falta de regulamentação.

As regras foram definidas em 2016 e o prazo inicial para começarem a funcionar era abril do ano passado, que mais tarde foi adiado para este ano pelo Contran (Conselho Nacional de Trânsito).

As multas serão de R$ 44,19 para pedestres e R$ 130,16 para ciclistas. Algumas punições estão sujeitas à remoção da bicicleta.

Confira o que pode gerar multas a partir de março:

Ciclistas

Andar na calçada quando não há sinalização permitindo.
Guiar a bicicleta de “forma agressiva”.
Andar em vias de trânsito rápido, que não têm cruzamentos.
Pedalar sem as mãos.
Transportar peso incompatível com o veículo.
Andar na contramão na pista dos carros.

Pedestres

Ficar no meio da rua.
Atravessar fora da faixa, da passarela ou passagem subterrânea.
Utilizar as vias sem autorização para eventos que prejudiquem o trânsito.

Fonte: Destak | Foto: Cristiano Andujar/PMF

Compartilhe com seus amigos!